Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Conversa de esquina

por Manuel_AR, em 06.05.14



 


Dois sujeitos encontram-se numa esquina e diz um deles para o outro:


- Olha lá pá, não me posso esquecer da última vez em que tu, naquela taberna da tua rua, falaste mal de mim e ofendeste o meu clube. O que tens a dizer agora pá?


- Pois é pá, não sei se te recordas, tu também, tiveste culpa quando me disseste que o campeonato, para o meu clube, estava perdido e que o melhor era mudarem de treinador. Recordas-te? Foi uma ofensa tremenda… O que tens tu também a dizer?


 


Cavaco Silva, o Presidente de alguns portugueses, colocou na sua página pessoal no Facebook a seguinte mensagem:


 


"O que mais me vem à memória, no dia de hoje, são as afirmações perentórias de agentes políticos, comentadores e analistas, nacionais e estrangeiros ainda há menos de seis meses, de que Portugal não conseguiria evitar um segundo resgate. O que dizem agora?"


 


Será isto forma de se exprimir o mais alto dignatário da nação, mesmo que a título pessoal? Um Presidente da República deve ter toda a cautela quanto à forma como faz os seus comentários. Tem que ser superior a sentimentos pessoais que tenha. Há que ter compostura e dignidade. O texto dele faz lembrar aquelas expressões que se utilizam em conversas de esquina, de café e de táxi sem ofensa para os taxistas.


Revela apenas um personagem ressentido, quiçá vingativo, que fica incomodado com os que discordam dele, mesmo quando manifestam apenas a suas opiniões. Quem assim procede revela apenas pequenez de espírito.


 


Imagem de: https://wehavekaosinthegarden.wordpress.com/


 


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:37


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.