Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Bolsonaro na imprensa internacional

por Manuel_AR, em 27.10.18

Bolsonaro Brasil.png


Sobre as eleições brasileiras abstenho-me de comentários porque não tenho acompanhado a a política do país. Sei que o PT devido à corrupção que fez grassar no seu interior cometeu erros sucessivos, agora irá pagar por isso. O PT, em vez de apoiar o político de centro-esquerda Ciro Gomes, que teria uma chance real contra Bolsonaro, insistiu no seu próprio candidato.  


Incluo abaixo alguns comentários da imprensa internacional sobre o candidato Bolsonaro, presumível vencedor que podem confirmar nos respetivos sites, na língua respetiva claro está.


 


Estados Unidos



  • The New York Times: "Brasil namora um retorno aos dias sombrios";

  • Financial Times: "O 'trágico destino' brasileiro de uma rebelião antidemocrática surge novamente";

  • Huffington Post: "Jair Bolsonaro e o violento caos das eleições presidenciais no Brasil";

  • Revista Time: "Jair Bolsonaro ama Trump, odeia gays e admira autocratas. Ele pode ser o próximo presidente do Brasil";


 


Alemanha



  • Deutsche Welle: "Analistas alemães veem democracia no Brasil em risco";

  • Zeit: "Um fascista apresenta-se como homem honesto";


 


Reino Unido



  • The Economist (capa): "A mais nova ameaça na América Latina";

  • The Economist: "O perigo representado por Jair Bolsonaro";

  • The Times: "Jair Bolsonaro, populista 'perigoso' promete tornar o Brasil seguro";

  • The Guardian: "Trump dos trópicos: o perigoso candidato que lidera a corrida presidencial do Brasil";


 


Austrália



  • The Australian: "Conheça o candidato que é um risco à democracia";

  • The Sydney Sunday Herald: "Porque é que alguns no Brasil estão a virar-se para um explosivo candidato de extrema-direita para presidente?";


Portugal



  • O Público: "Bolsonaro, o jagunço à porta do Planalto";

  • Diário de Notícias: "Jair Bolsonaro é perigo real no Brasil e segue passos de Adolf Hitler";


França



  • Le Figaro: "Brasil nas garras da tentação autoritária";

  • Liberation: "No Brasil, um ex-soldado para liquidar a democracia";

  • Le Monde: "Trump tropical, homofóbico e machista";


Espanha



  • El País: "Bolsonaro é um Pinochet institucional para o Brasil";

  • El Mundo: Líder polémico. Bolsonaro: o candidato racista, homofóbico e machista do Brasil";


 


Itália



  • Corriende della Sierra: "Um pesadelo chamado Bolsonaro";

  • La República: "Bolsonaro, líder xenófobo e antigay que faz o assalto à Presidência do Brasil";


Suíça



  • Neuen Zürcher Zeitung: "O faxineiro racista do Brasil";


Chile



  • El Mercurio: "Bolsonaro assusta com soluções simplistas e autoritárias";


Argentina



  • La Nacion: "Linha dura e messianismo: Bolsonaro, o candidato mais temido, se lança para a presidência";

  • El Clarín: "Jair Bolsonaro: militarista, xenófobo e favorito para a eleição brasileira".

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:37



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.